Rui Tomás, um Empreededorismo de sucesso

NÓS AQUI, FALÁMOS COM O #EMPREENDEDOR RUI TOMÁS.

#SIGLA 1

Nós aqui falámos com o #empreendedor Rui Tomás, fundador e CEO da EKG Science Medical em 2009.

Uma empresa que se dedica à importação, comercialização e assistência técnica de produtos e equipamentos médico-hospitalares de Diagnóstico e Terapia, na área da Cardiologia.

Conta com uma equipa jovem, dinâmica e altamente qualificada, pronta a responder aos desafios e necessidades de clientes e parceiros.

A aposta na qualidade do serviço que presta materializa-se na garantia de assistência técnica pós-venda de todos os produtos e equipamentos por eles comercializados. Para isso dispõe de um departamento técnico altamente qualificado e equipado, que garante a rapidez e a qualidade do serviço.

O Lisbon South Bay blog foi ao seu encontro, na sua empresa no Funchalinho, onde com ele falámos neste blog.

Vamos então falar sobre… isto!

Nós aqui temos empreendedor .

Nós aqui temos isto.

empreededorismo

SER #EMPREENDEDOR É PRECISO.

apoiamos educacao 3

Raramente as ideias surgem de repente da cabeça de uma só pessoa. Elas são resultado de várias conexões e levam algum tempo para ficarem prontas. O lado bom é que o ambiente em que vivemos nunca foi tão fértil para isso.

Steven Johnson

Ser ou não ser empreendedor eis a questão.

Sempre admirei as pessoas empreendedoras, que vão à luta, que fazem acontecer coisas. E sempre achei ser uma delas, mas até um certo limite.

Quero com isto dizer que sempre me empenhei nos projetos dos quais fiz parte. O brio profissional e o sentimento de não falhar felizmente sempre me acompanharam e vão continuar a acompanhar. Está no DNA. Mas pensar num negócio próprio, arriscar em criar algo inovador, estava distante. Sempre foi uma coisa que eu achava que era para os outros.

Confesso que sempre tive alguma inveja desses outros, de quem arriscava, deixava tudo, saía da zona de conforto e se atravessasse no desconhecido. Mas, isso era para os outros. Não era para mim.

Por isso também fui ficando na inércia e no marasmo de me deixar ir nas coisas que me aconteciam. Se estava feliz, sim, eu achava que sim e portanto não sofria com isso.

Mas, um dia essa comodidade de quem não tem de se preocupar com isso deixou de acontecer e “apareceu-me à minha porta”. E, foi “mal educada”, porque não se vai a “casa de ninguém sem avisar”! Parou tudo! Tinha acabado de saber que tinha de procurar emprego por necessidade e não porque queria mudar (não que esta situação não fosse verdade, mas a inércia e a ilusão de conforto, aguardava que essa oportunidade viesse ter comigo e, essa sim, eu até não ficaria ofendida se fosse “mal educada” e, entrasse sem avisar!).

Pois é, a perspetiva muda. E nós também temos de mudar. Somos obrigados e forçados a isso. Se essa mudança é rápida? Leva o tempo que é preciso. É um processo. Um processo que atravessou várias fases e que se foi desenhando paulatinamente até ganhar uma forma consistente.

E é aí, que um culminar de situações e acontecimentos nos obrigam a pensar de forma diferente e a arriscar. A Catarina e o Joel são “o lado que eu admirava” e foram inspiradores quando nos juntámos. O universo tem destas dádivas e estou-lhe grata. Grata por as coisas não nos caírem de mão beijada, mas as circunstâncias colocarem-nos à prova e quando essa é superada voltam a dar-nos “borboletas na barriga”, a escarrapachar um sorriso de orelha a orelha, daqueles em que não conseguimos desfazer, que parece que o músculo ficou preso e na nossa cabeça só ecoa Yes, Yes, Yeeeeeeeeees.

empreededorismo

Foi assim que o Lisbon South Bay blog surgiu nas nossas vidas e é assim que o temos recebido. Somos gratos por isso.

Nós aqui empreendemos n’isto.
Nós aqui temos isto.

estamine

NÓS AQUI, VIEMOS AO ESTAMINÉ 1955.

#NOSAQUI 5

Nós aqui, fomos ao Estaminé 1955 e, como já é nosso apanágio, estendemos o momento, porque é isso que se faz quando estamos onde nos sentimos bem. Fomos muito bem recebidos por toda a equipa e “Excelentes Anfitriões” são os nomes do meio da Linda e do Miguel, os proprietários.

Nós aqui, já tínhamos experimentado o Estaminé 1955 e sabíamos que era uma aposta segura, mas ainda assim, conseguem-nos sempre surpreender! Começou logo com o cocktail da casa 1955 (vinho tinto, gin e clara de ovo) da autoria do Daniel (o chefe do bar) que o preparou à nossa frente, o que nos estava a causar alguma inquietação na espera: “queremos muito e tem de ser agora”! Assim, que demos o primeiro trago foi: Pára tudo! Isto é muuuuito bom!

_RR_0515v1_JR

As entradas fizeram logo as apresentações – um bolo do caco com azeitona com manteiga de alho e presunto e, uns aros de cebola frita com maionese de beringela e pimentão. São assim qualquer coisa do outro mundo! Mas consegue-se encontrar neste, aqui em Cacilhas, na nossa South Bay!

Desenganem-se se acham que só encontram ali hambúrgueres de carne de vaca, pois há outras opções, como o hambúrguer vegetariano ou o de frango. A Catarina que, habitualmente, não come carne vermelha não resistiu a experimentar os nossos e, não se arrependeu disso. O Joel e eu elegemos o Estaminé com cogumelos Portobello e o de Picanha. Constatámos o que diz o Miguel, pode-se gostar mais de um ou de outro consoante os nossas preferências, mas com carne entregue por um talho ali próximo pouco antes das refeições, O Estaminé oferece um “selo” de qualidade e frescura. Para terminar “lambemos os beiços” com duas delícias de chocolate – a da casa – mousse de chocolate à fatia e uma novidade que têm sempre, e a nós calhou-nos a delicia de chocolate! Nós aqui, não conseguimos decidir-nos pela melhor, mas o chocolate tem na nossa equipa aquele efeito de que estamos a entrar no nirvana. Estas opções fizeram isso na perfeição.

Nós aqui, já confessámos que gostamos de comer bem, mas o Estaminé 1955 proporciona mais que isso. É um espaço com apenas dois anos, mas carregado de história. A Linda e o Miguel apaixonaram-se pelo espaço e pela sua “herança” e quiseram preservá-la. Começaram por ter no nome a data de abertura da loja do Sr. Brito – uma leitaria que abriu em 1955 e permaneceu até 2010. Em homenagem ao antigo estabelecimento, mantiveram o balcão, as portas e as sua cor original que inspirou o logótipo. Apresentam verdadeiras relíquias que nos transportam para a nossa infância.

Para o Joel foi um “trabalho duro”, mas alguém tinha que o fazer. Para além das as iguarias a fotografar, há muitos detalhes que preenchem o ambiente acolhedor e que merecem o seu clique.

_RR_0523v1_JR

_RR_0531v1_JR

E foi tão bom ouvirmos as história de quando ainda não havia a Ponte 25 de Abril (difícil imaginar, não é?) e a fila para apanhar o barco passava da porta da leitaria (que fica no topo da rua Cândido dos Reis). Enquanto esperavam na fila compravam um “miminho” antes de ir trabalhar, ali. E, saber que a leitaria foi o primeiro espaço a ter televisão em Almada?! E, que o Sr. Brito tinha-a estrategicamente colocada de onde não se visse do lado de fora, para que entrassem sem esse argumento, e ficassem surpreendidos depois de entrar?!

_RR_0578v1_JR

Nós aqui, já somos estamineiros e estamos orgulhosos de ter um espaço tão envolvente e acolhedor que proporciona mais do que uma boa refeição.

Nós aqui temos o Estaminé1955.
Nós aqui temos isto.

Fotografia: Joel Reis

Pedro Henriques

“A TEORIA DO FUTEBOL” NA SOUTH BAY

APOIAMOS 3

Nós aqui, ficámos ontem na primeira fila a assistir à apresentação do livro “A Teoria do Futebol” do Pedro Henriques com Rui Miguel Mendonça, na Fnac do Fórum Almada.

JR5_6337_web

O Futebol e tudo o que com ele está relacionado tem a capacidade de mexer com paixões, opiniões e de não deixar (quase) ninguém indiferente. E, esta apresentação corroborou isso mesmo. A interação do público presente mostrou porque é que o Futebol (ainda) é rei. Há sempre uma opinião, um interesse, uma convicção difícil de se encontrar noutras áreas. O que o torna tão envolvente.

Nós aqui, gostámos de assistir a isso, mas principalmente gostámos de ouvir o Pedro contar a ilusão e desilusão que o Futebol lhe causou. As atitudes que se geram quando se está no topo e quando se sai dele. E, que o “obrigaram” a afastar-se! Mas, como tudo o que é vivido com e por paixão, fê-lo voltar. Na nossa opinião, isto sim, não acontece só no Futebol, mas em todas as áreas que amamos. Por isso, vamos querer ler e conhecer  histórias que aqui foram mencionadas e muitas mais que vamos encontrar.

O Pedro fez uma dedicatória ao nosso blog, e nós aqui agradecemos isso.

JR5_6340_web

Nós aqui, temos “A Teoria do Futebol”.
Nós aqui temos isto.

Fotografia: Joel Reis

Equipa Lisbon South Bay blog

O DIA DO NASCIMENTO #27NOV2015

celebramos 1

Ontem foi o dia do nascimento do nosso bebé. Estas duas mães e pai (sim, porque nas famílias modernas é assim!) estavam tão felizes e babados que quiseram mostrar a sua cria para o mundo – o Lisbon South Bay Blog.

Equipa Lisbon South Bay blog

Como qualquer gravidez, principalmente de primeira viagem, a ansiedade, felicidade, preocupação, alegria, nervos, otimismo tomaram conta de nós. Desde o momento que decidimos ter este “filho” quisemos que este fosse saudável, feliz e consistente. Cuidamos da sua gestação, fomos fazendo e mostrando as ecografias para verem como ele estava a tomar forma. Nós como pais estamos cá para o preparar para o mundo.

27 novembro 2015 foi o dia do parto e quisemos partilhá-lo com os nossos embaixadores. Que vissem que veio com o DNA dos “seus pais”. Foi uma festa linda. Um turbilhar de emoções!

Para que isto tenha sido possível temos de agradecer a todos os padrinhos que apoiaram, acreditaram e que estão lá ou neste caso AQUI para ele:

À Jelly Code que nos possibilita ter uma plataforma de alto nível que muito nos orgulha.

Ao Evidência Belverde Atitude Hotel que é o melhor local para um anfitrião poder brilhar. Uma “caixinha de (boas) surpresas” com a sua beleza interior. Um hotel sofisticado e de muito bom gosto. O espaço foi o ideal para receber os nossos ilustres embaixadores – os South Bay Lovers. Obrigada também ao chef, pois o cocktail dînatoire foi de “comer e chorar por mais”.

À Santos VP Mercedes-Benz que nos permitiu surpreender à saída e à chegada com o encanto das “verdadeiras máquinas”. Foi responsável por fazer sonhar todos os embaixadores e a equipa do blog para sair dali com um. Os contactos estão feitos. É só escolher a cor e o modelo na C. Santos VP na Margem Sul (o meu já sei qual é);

À Symington Family Estate que ofereceu uma degustação de vinhos e porto variada. Uma aposta ganha e garantia de sucesso para abrilhantar e acompanhar um bom momento.

À Byzz que permitiu que a Catarina e eu brilhássemos como verdadeiras princesas com dois modelitos aos quais não dava para se ficar indiferente. A Sandra Bizarro só dificulta a nossa vida porque queremos trazer tudo. Escolher é uma “carga de (bom) trabalho”.

À DPZ que conseguiu que todos os materiais impressos ficassem lindos, com um serviço de primeira e em tempo record.

À EKG Science Medical que nos cede um dos “nossos escritórios” e nos dá “consultoria” profissional. A EKG também comercializa desfibrilhadores, o que nos dá uma enorme confiança quando atingimos altos níveis de stress!

À Mindshakers que permitiu-nos apresentar o nosso blog com ipads em circulação.

Ao Laureano que nos ajudou na preparação do som para os concertos, o que proporcionou uma noite de arraso!

Às estrelas da noite, claro está, da South Bay:

Ao Vasco Boucinha e ao Joel Cabeleira que abriram os concertos acústicos. Um show que também nos fez viajar às boas memórias dos Wonderland.

Ao Orlando Santos que encerrou com chave de ouro – uma voz e um exímio toque de guitarra que não deixou ninguém indiferente.

O nosso obrigado nunca vai ser suficiente para estes grandes momentos musicais.

The last, but not the least, a todos os embaixadores presentes, com destaque para os nossos entrevistados. Os que não conseguiram estar fisicamente, fizeram questão de marcar presença.

Nós aqui, desejamos que o nosso bebé se torne cada vez mais independente, rodeado de pessoas que gostem e cuidem dele. Queremos que se torne a referência da South Bay. Sigam-nos e partilhem-nos muito. Vamos colocar a South Bay no nível que ele merece.

É para isso que trabalhamos todos os dias, com muito gosto.

Nós aqui, tivemos a festa!
Nós aqui, agradecemos isto.

Texto: Marlene Gaspar

 

FullSizeRender

“CUIDADO, OLHA QUE CAIS!”

ASSINATURA 2 1

Os benefícios do risco nas brincadeiras das crianças

“Cuidado, olha que cais!”, ”Pára quieto um bocadinho…”, “Não vais por ai que é perigoso!”

Não me recordo quando começou tudo isto…
Tive a sorte de ter as pernas sempre marcadas de nódoas negras e arranhões. Subir as árvores e quase cair, inventar estratégias para chegar mais alto. Percorrer todos os muros altos, em grande equilíbrio, a toda a velocidade, no caminho que percorria a pé para casa, depois da escola, em plena cidade.
Quando arriscam, as crianças aprendem a lidar com os fracassos, a tentar novamente… Aprendem a responsabilizar-se pela sua própria segurança e integridade. Jamais conseguiremos “almofadar” o mundo para que os nossos filhos não se magoem, desde cedo podemos proporcionar-lhe experiências em que possam testar os seus limites, em que possam tentar de novo, encontrar soluções de forma autónoma. E os pais onde estão? Preferencialmente, brincando também, mostrando que cair e voltar a levantar é possível, que não conseguimos tudo à primeira tentativa, mas que tentar outra vez nos pode dar um incrível prazer e quando conseguimos podemos celebrar em conjunto!

Helena Gonçalves Rocha

Nós aqui educamos para isto.
Nós aqui temos isto!

Contactos
helenagoncalvesrocha@gmail.com
Miúdos e Graúdos, Clínica Médica
Av. Pinhal da Aroeira, Lt 562
Aroeira Shopping area Lj 18
Herdade da Aroeira
2820-566 Charneca da Caparica
TEL.: 212 977 481