costadacaprica surf

OUTONO COM SABOR A VERÃO

gostamos 1

Se é verdade que “eu gosto é do verão”, também é que gosto do tempo mais frio que pede aconchego e atividades mais acolhedoras. Conseguir fazer “mapling”* (atenção puristas da língua, esta palavra não existe! Não queremos “assassinar” a nossa língua, mas já a ouvi algures em tom de brincadeira esta “expressão” para definir estar esparramado no sofá. Mapling porque foneticamente é próximo de maple), com um bom filme, uma mantinha e uma bebida quente é muuuuuito bom. Mas melhor ainda, é poder variar entre isto e dias quentes. E estes, meus amigos, andam aí e nada como usar e abusar deles para passear, fazer atividades ao ar livre, ir à praia, correr, saltar, surfar e muitas outras coisas terminadas em “ar”.

costadacaparicasurf

Dia de outono na Costa de Caparica. Fotografia: Zito Colaço

Nós aqui, temos o privilégio de ter esplanadas excepcionais, paredão com vários quilómetros para fazer o que se quer, ou simplesmente apreciar a vista. Vamos lá aproveitar o verão de outono, mas redobrando cuidados com o sol. Pois aparentemente mais “fraco”, por vezes “causa mais estragos” que o sol de verão.

Nós aqui, somos muito agradecidas e rendidas às coisas boas da margem sul, que são tantas que é difícil enumerar. Quais as suas?

Nós aqui temos outono com sabor a verão.
Nós aqui temos isto.

Foto e texto

 

zumba-fitness-danca-ginastica

10H DE FITNESS E DANÇA EM ALMADA. 24 SETEMBRO

APLAUDIMOS

Este sábado não fique parado. Almada em Movimento Fitness e Dança traz-lhe 10h, 10h seguidas de atividades a não perder. Para inspirar e fazer-nos puxar pelo cabedal temos a Blaya, Câmia Pimental, o Angel Moretto e Dan Puche. Tem também a possibilidade de participar em workshops, na festa de Zumba e muito mais.

E onde e quando é que acontece isto tudo?

No dia 24 de setembro, entre as 10h e as 22h, no Complexo Municipal dos Desportos, no Feijó.
A participação é gratuita, mas tem de fazer inscrição prévia aqui.

Almada em Movimento

Nós aqui temos dança e fitness.
Nós aqui temos isto.

Texto: Marlene Gaspar

fontedatelha

MAIS CAMINHADAS NA FONTE DA TELHA. ATÉ DEZEMBRO. #fontedatelha

caminhamos 1

O verão ainda não acabou e as caminhadas e os passeios pedestres na Fonte da Telha estão para durar até ao Natal (é com o Sporting! Ehehehehehe.  Xiiii desculpem a “má onda”, mas não resisti). Já temos um novo calendário da organização “Ao Pé do Mundo” para poder juntar o útil ao agradável – caminhar e exercitar o físico e desfrutar de uma das melhores paisagens que temos na margem sul. Tome nota na agenda e não perca esta oportunidade.

OUTUBRO – Dias 2, 16 e 30
Passeio Pedestre Conhecer as “Love Trees”/3h
2 de Outubro de 2016
Local – Paisagem Protegida da Arriba Fóssil da Costa de Caparica
Ponto de Encontro – 10h no Parque de Merendas em frente à G.N.R. da Fonte da Telha

Caminhada das Dunas/3h
16 de Outubro de 2016
Local – Paisagem Protegida da Arriba Fóssil da Costa de Caparica
Ponto de Encontro – 10h no Parque de Merendas em frente à G.N.R. da Fonte da Telha

Caminhada das Folhas/3h
30 de Outubro de 2016
Local – Paisagem Protegida da Arriba Fóssil da Costa de Caparica
Ponto de Encontro – 10h no Parque de Merendas em frente à G.N.R. da Fonte da Telha caminhadas

NOVEMBRO – Dias 13 e 27
Passeio Pedestre Pequena Rota/3h
13 de Novembro de 2016
Local – Paisagem Protegida da Arriba Fóssil da Costa de Caparica
Ponto de Encontro – 10h no Parque de Merendas em frente à G.N.R. da Fonte da TelhaCaminhada Alto da Gralha/3h
27 de Novembro de 2016
Local – Paisagem Protegida da Arriba Fóssil da Costa de Caparica
Ponto de Encontro – 10h no Parque de Merendas em frente à G.N.R. da Fonte da Telha
DEZEMBRO – Dia 11
Caminhada Grande Rota/7h
11 de Dezembro de 2016
Local – Paisagem Protegida da Arriba Fóssil da Costa de Caparica
Ponto de Encontro – 10h no Parque de Merendas em frente à G.N.R. da Fonte da Telha
Extra – Farnel (Almoço).
NOTAS IMPORTANTES:
Levar água, chapéu, roupa e calçado confortável. Se possível não esquecer a câmara fotográfica.BONS PASSEIOS E GRANDES CAMINHADAS
Mais informações: zitocolaco@gmail.com
Nós aqui temos caminhadas e passeios pedestres.
Nós aqui temos isto
Texto: Marlene Gaspar
Fotografia: Zito Colaço
Helena

ATIVIDADES EXTRA-CURRICULARES

Helena

Com o mês de Setembro chega o regresso às aulas, o retomar das rotinas, a conciliação de horários de todos os elementos da família e … a escolha das atividades extra-curriculares.

Antes de mais, é condição imprescindível, mediante a idade de cada criança reservar bastante tempo para BRINCAR. Brincar de forma livre, as crianças precisam, para crescer e aprender, de bastante tempo para poderem brincar de forma espontânea e de preferência terem contacto com a Natureza e com o ar livre.

Feita esta reserva inicial como poderemos escolher a atividade mais adequada para o nosso filho?

Primeiro que tudo deveremos perguntar-lhe se tem preferência por alguma atividade, seja ela de carácter mais desportivo, cultural ou artístico. Depois deveremos equacionar a real possibilidade da criança a poder frequentar, ou seja, existe nas proximidades, é compatível com os horários dos adultos?

Saliento sempre este aspeto, pois no final do dia de certo que nenhum pai necessita de mais doses de trânsito, stress e ansiedades e na conjugação perfeita de todos os horários, os pais conseguirão realizar alguma atividade lúdica e prazerosa enquanto os mais pequenos praticam a sua atividade preferida.

Senão conseguir fazer a hora de exercício que todos os anos diz que vai começar, aproveite pelo menos para pôr a leitura em dia, dormir uma pequena sesta ou conversar com as amigas.

As atividades extra-curriculares permitem que a criança crie novos círculos de amigos, diferenciados do ambiente escolar. Por vezes a criança não é brilhante na escola, mas consegue ser uma estrela ao nível desportivo. Dê-lhe oportunidade para que explore as suas diferentes competências.

Os desportos de equipa, a partir dos 8 anos, permitem-lhe adquirir muitas competências essenciais quer na vida escolar, quer na vida social, a entre-ajuda, a postura cooperativa e colaborativa, o respeito pelo outro, apreciar os resultados obtidos por um esforço conjunto.

desportos

Como calculam a minha tendência vai sempre para uma prática desportiva, uma vez que a carga horária de educação física é cada vez menor no horário escolar, as crianças cada vez têm mais hábitos sedentários, passando inúmeras horas sentados frente a ecrãs, é condição indispensável promover a prática desportiva, por uma questão de Saúde.

Num país à beira mar plantado em que a água faz parte do nosso horizonte, saber Nadar é uma competência básica a adquirir o mais precocemente possível. A prevenção dos acidentes em piscina e na praia, infelizmente ainda muito frequentes, é feita também assim. A adaptação ao meio aquático e a aprendizagem da natação, vem imediatamente a seguir a saber andar. Por uma questão de segurança e também por ser um desporto completo, equilibrado e harmonioso, priorize a aprendizagem da natação junto dos seus filhos.

Fotografia Surf Pro SurfSchool

Fotografia Surf Pro SurfSchool

Lembre-se sempre de não sobrecarregar o horário do seu filho, respeite as suas escolhas, mas depois da atividade iniciada espere algum tempo antes de os deixar desistir, incentive-o a esforçar-se e decidir se realmente é uma atividade do seu agrado.

Divirta-se e tente durante este ano iniciar você mesmo uma atividade que lhe dê um especial prazer

Helena Gonçalves Rocha

Nós aqui educamos para isto.
Nós aqui temos isto!

Contactos
helenagoncalvesrocha@gmail.com
Miúdos e Graúdos, Clínica Médica
Av. Pinhal da Aroeira, Lt 562
Aroeira Shopping area Lj 18
Herdade da Aroeira
2820-566 Charneca da Caparica
TEL.: 212 977 481

1420840749_facebook-512

Fotografias: D.R.

corridaAvanteSeixal

FOI DURA A CORRIDA DO AVANTE!

corremos

Pelo menos para mim. Este ano a minha participação na Festa do Avante! alargou-se ao campo desportivo e participei na 29º corrida com um percurso de 10,200 km com quase 3 mil participantes que teve início na Baía do Seixal, percorrendo toda a Marginal com partida da Amora até ao Seixal e voltando pelo mesmo percurso até à Festa do «Avante!». E, há que dizê-lo com toda a frontalidade: a minha participação foi fraca, fraquinha. Ok, há que assumir e enfrentar o toiro pelos cornos. Foi medíocre!

participação corrida avante

Número de participante

Em nada se deveu à organização ou à prova, que em abono da verdade foi muito positiva. O percurso foi extraordinário (exceto a subida que me “matou”), a vista é excecional e a boa onda dos participantes foi contagiante. Deveu-se sim, à minha organização, ou melhor à falta dela.

Não me preparei minimamente e os meses de férias fizeram apoderar-se sobre mim uma “preguicite aguda” para as corridas que ia “justificando” com a minha parca tolerância ao calor. Este faz chegar a mim as quebras de tensão e as corridas foram substituídas por passeios de bicicletas e caminhadas. Que podia ser a mesma coisa, mas não é.

Ainda assim, lancei-me “à maluca” e se tivesse que desistir, assim o faria. Sem problemas (bem, com alguns, porque não gosto de atos falhados) estipulei 3 objetivos:

1#terminar a prova
2#fazer o percurso todo a correr
3#divertir-me

Ou seja, não fui correr pela viagem à Madeira, o 1º Prémio da prova, óbvio. Mas, ainda assim a taxa de sucesso foi medíocre porque destes objetivos pode-se dizer que a média foi 1,5. O primeiro foi alcançado o segundo não, e tendo em conta a falta de preparação também já tive provas mais divertidas. De qualquer forma, se formos atribuir ponderações aos objetivos foi uma aposta ganha.

A dor de burro que se fez sentir nos primeiros quilómetros antevia uma prova dura. A subida ia sendo responsável pela desistência, mas uma voz do público ecoou perante os “meus bafos de fora”:

– Essa camisola tem de ser honrada! – a camisola da 11ª Corrida do Benfica, que levei para não me fazer esquecer que eu já tinha conseguido alcançar aquele feito. O meu pensamento foi: “oh senhor, não me ponha mais pressão!”, senão deito já a camisola ao chão. Mas, esbocei um sorriso como pude e continuei a subir, também como pude.

Nunca tinha feito parte da “Liga dos Últimos”, mas apesar de não gostar de perder nem a feijões, o ímpeto de ter de terminar levou a sua “Avante” e para a frente é que foi o caminho. Cheguei, com dificuldade, mas cheguei.

Parabéns aos vencedores, a todos os participantes e à organização. As atividades desportivas são muito importantes e uma prova destas gratuita é uma excelente iniciativa. Contem comigo para a as próximas e estarei mais bem preparada (espero). Obrigada, camaradas.

Nós aqui temos corrida do Avante.
Nós aqui temos isto.

Tags: Corrida Avante | Baía do Seixal | Amora | desporto

Texto: Marlene Gaspar
Fotografias: Lisbon South Bay blog

Corrida Avante

CORRIDA E CAMINHADA NO SEIXAL. 4 SETEMBRO.

corremos

A Festa do Avante tem um programa diversificado e o desporto não podia ficar de fora. E no dia 4 de setembro, às 9:30h poderá participar na 29º corrida de 10,200 km que tem início na Baía do Seixal, percorrendo toda a Marginal com partida da Amora até ao Seixal e voltando pelo mesmo percurso até à Festa do «Avante!». Esta corrida realiza-se anualmente, é uma prova aberta, de participação voluntária e gratuita.

E aqui estamos como voluntárias e já de inscrição feita, e chamamos a atenção que terá de ser feita até 31 de agosto para:

Corrida da Festa do «Avante!»
Quinta da Atalaia, Av. Baía Natural do Seixal
2845-415 Amora-Seixal
Telefone: 212 224 000 (das 9h30 às 12h00 e das 14h00 às 17h00)
Fax: 21 2272516
e-mail: desporto@festadoavante.pcp.pt

A entrega de dorsal, será feita no dia da corrida, a partir das 08h00 junto à tenda instalada na zona da Partida.

Não serão aceites inscrições no dia da prova.

Os atletas deverão ser portadores dos seus Bilhetes de Identidade/Cartão de Cidadão ou Cédula Pessoal, sem o qual se sujeitam à desclassificação, no caso da organização lhes exigir prova de identidade.

Perder ou ganhar é desporto, mas há prémios para os vencedores, ah pois é. Podem ganhar uma Viagem à Madeira durante quatro dias com pequeno-almoço (a gozar durante o mês de Outubro de 2016).

Taça às dez primeiras equipas (para a classificação colectiva contam os 5 primeiros atletas de cada equipa, independente do escalão).

Troféu ou taça do 1.° ao 3.° classificado em cada escalão.

Serão oferecidas lembranças de participação.

Entradas para a Festa para todos os que terminarem a prova.

Para efeitos de classificação o controlo encerra 1h10 após a partida.

No retorno os atletas mais atrasados deverão aproveitar para gozar o prazer da Baía encostando o mais à esquerda possível ou até utilizar o pedonal.

A correr ou a andar, pois se preferir esta última pode fazer a Caminhada da Festa do «Avante!» 2016 realiza-se no mesmo dia à mesma hora junto à Baía do Seixal. Pode apreciar a beleza natural da Baía do Seixal. Será uma iniciativa de convívio sem qualquer intuito competitivo. Serão atribuídas lembranças de participação e bilhete de acesso à Festa.

Saiba mais aqui.

Corrida Avante

Nós aqui temos corrida e caminhada
Nós aqui temos isto.

Texto: Marlene Gaspar
Fotografia: Festa do Avente!

Maya

NÓS AQUI JOGÁMOS PADEL COM A #MAYA

jogamos

Maya, Eunice Cristina Morais de Carvalho (seu verdadeiro nome) foi professora do Ensino Primário, tornou-se taróloga de sucesso nacional e estrela da televisão. É também relações públicas e apresentadora.

Maya

Maya

Maya

Maya

Maya

Maya

Maya

Veja a entrevista completa aqui

Fotografia: Zito Colaço
O Lisbon South Bay Blog agradece ao PadelMode:

PadelMode

Telma Monteiro

A PRIMEIRA MEDALHA OLÍMPICA NACIONAL VEM DA MARGEM SUL

parabenizamos ISTO desporto 1

Já aqui dissemos que a margem sul é terra de atletas, por isso foi com muito orgulho e satisfação que acompanhamos, sofremos e festejamos ontem a vitória da Telma Monteiro. Parabéns. Que seja a primeira medalha olímpica de muitas.
Foram combates difíceis, mas a Telma conseguiu chegar, ver e vencer. A medalha de bronze já ninguém lhe tira.

Telma Monteiro

Os nossos votos de sucessos para os restantes atletas nacionais por quem torcemos com a mesma convicção. Bem hajam pela vossa dedicação.

Nós aqui temos campeã olímpica.
Nós aqui temos isto.

Texto: Marlene Gaspar
Fotografias: D.R.

corrida na praia

CORRIDA E CAMINHADA NOTURNA NA PRAIA DA CAPARICA. 23 JULHO.

corremos

O calor aperta e correr fica mais difícil quando a brasa do sol nos queima até aos ossos. Mas, fazê-lo à noite, traz um outro brilho à tarefa e descobrem-se outros encantos. Se ainda não fez a experiência pode fazê-lo.

No dia 23 de Julho temos a 1ª Corrida Noturna da Praia da Caparica, com uma extensão de 10km e uma caminhada com uma distância de 4 km. É uma oportunidade não de “morrer” na praia, mas correr na praia. Mas, atenção são 9 km a correr na areia.

Partida e chegada no Paredão junto à lota e segue em direção à Nova Praia.

Corrida 10km – 21h30
Caminhada 4 km – 21h35

Para fazê-lo inscreva-se aqui.

corrida noturna

Nós aqui temos corrida na praia à noite.
Nós aqui temos isto.

Texto: Marlene Gaspar