Solar dos Zagallos

OFICINA DE #GASTRONOMIA NO SOLAR DOS ZAGALLOS. 23 DE JANEIRO.

#NOSAQUI 5

Na 4ª edição das Oficinas de Gastronomia – um sábado à volta do forno a lenha – dia 23 de janeiro, das 14h às 17:30h, o chefe João Sá fará os 12 participantes descobrirem gastronomia da região de Lisboa e Vale do Tejo, apresentando o que de melhor se encontra nas tradições no que diz respeito à confecção de alimentos em forno a lenha e em loiça de barro – a partir da exposição de Olaria Tradicional Portuguesa, patente no Solar.

A seleção dos participantes será por ordem de inscrição. Será dada prioridade a participantes estreantes, ou seja, que não estiveram presentes nas edições anteriores. Só será aceite a primeira inscrição de cada família.

“Forno a lenha” por si só já são palavrinhas mágicas para criar água na boca. Agora imagine esta forma de confecção com alimentos típicos da nossa região e em loiça apropriada! Estão reunidas todas as condições para uma oficina de sucesso.

Não se atrase que as inscrições são de 11 a 15 de janeiro para M/18 em www.m-almada.pt/oficinagastronomia. Máximo 12 participantes.

Horário
Sábado/23 janeiro/ 14h às 17:30h

Localização
Solar dos Zagallos

Centro de Artes Tradicionais de Almada
Largo António Piano Júnior
2815-716 Sobreda
Tel. 21 294 70 00
Fax: 212 94 70 09

Coordenadas GPS
38° 39′ 0.875″ N    9° 11′ 24.500″ W

setubal

SEMANA DO ALCORRAZ EM #SETÚBAL

#NOSAQUI 5

O alcorraz é o centro das atenções de Setúbal até domingo, 20 de dezembro, em 65 restaurantes da localidade – onde se celebra a Semana do Alcorraz. Os restaurantes aderentes apresentam várias formas de confecção deste peixe característico dos setubalenses.

Esta iniciativa incluí uma sessão de cozinha ao vivo, elaborada pelo chefe Álvaro Santos. Se quiser participar nesta sessão no dia 20, às 18h00, na Casa da Baía, deverá inscrever-se até ao dia 17, quinta-feira.

As inscrições custam seis euros e podem ser feitas através do telefone 265 545 010 ou do e-mail gatur@mun-setubal.pt.

Nós aqui, temos o alcorraz!
Nós aqui, temos isto.

Mercado do Livramento

NÓS AQUI, VIEMOS AO MERCADO DO LIVRAMENTO.

#NOSAQUI 5

O Lisbon South Bay blog foi ao Mercado do Livramento em Setúbal, que já foi considerado pelo USA Today como um dos mercados de peixe mais famosos do mundo! O mercado fica no centro da cidade e é um privilégio poder ter um espaço de frescos com esta categoria.

Nós aqui gostamos muito de ir a mercados onde apetece trazer, cheirar e apreciar um pouco de tudo. Setúbal tem uma grande tradição de pesca, por isso, o peixe aqui é Rei. O mercado tem um sem número de espécies de peixe e moluscos e conseguimos encontrar alguns ainda vivos! No Mercado do Livramento consegue sentir-se a tradição dos mercados, a frescura e a garantia do que é bom.

Mas não só de peixe vive o mercado, as frutas e os legumes também têm lugar na primeira fila e apresentam-se nas bancadas com diversas cores, texturas e muita variedade. E, encontra-se ainda uma boa oferta de talhos.

O espaço tem uma parede de azulejos lindíssima que representa a pesca e a agricultura com a dignidade que elas merecem. Vale a pena apreciar o espaço e fazer avios de produtos de grande qualidade.

Nós aqui temos o Mercado do Livramento.

Nós aqui temos isto.

estamine

NÓS AQUI, VIEMOS AO ESTAMINÉ 1955.

#NOSAQUI 5

Nós aqui, fomos ao Estaminé 1955 e, como já é nosso apanágio, estendemos o momento, porque é isso que se faz quando estamos onde nos sentimos bem. Fomos muito bem recebidos por toda a equipa e “Excelentes Anfitriões” são os nomes do meio da Linda e do Miguel, os proprietários.

Nós aqui, já tínhamos experimentado o Estaminé 1955 e sabíamos que era uma aposta segura, mas ainda assim, conseguem-nos sempre surpreender! Começou logo com o cocktail da casa 1955 (vinho tinto, gin e clara de ovo) da autoria do Daniel (o chefe do bar) que o preparou à nossa frente, o que nos estava a causar alguma inquietação na espera: “queremos muito e tem de ser agora”! Assim, que demos o primeiro trago foi: Pára tudo! Isto é muuuuito bom!

_RR_0515v1_JR

As entradas fizeram logo as apresentações – um bolo do caco com azeitona com manteiga de alho e presunto e, uns aros de cebola frita com maionese de beringela e pimentão. São assim qualquer coisa do outro mundo! Mas consegue-se encontrar neste, aqui em Cacilhas, na nossa South Bay!

Desenganem-se se acham que só encontram ali hambúrgueres de carne de vaca, pois há outras opções, como o hambúrguer vegetariano ou o de frango. A Catarina que, habitualmente, não come carne vermelha não resistiu a experimentar os nossos e, não se arrependeu disso. O Joel e eu elegemos o Estaminé com cogumelos Portobello e o de Picanha. Constatámos o que diz o Miguel, pode-se gostar mais de um ou de outro consoante os nossas preferências, mas com carne entregue por um talho ali próximo pouco antes das refeições, O Estaminé oferece um “selo” de qualidade e frescura. Para terminar “lambemos os beiços” com duas delícias de chocolate – a da casa – mousse de chocolate à fatia e uma novidade que têm sempre, e a nós calhou-nos a delicia de chocolate! Nós aqui, não conseguimos decidir-nos pela melhor, mas o chocolate tem na nossa equipa aquele efeito de que estamos a entrar no nirvana. Estas opções fizeram isso na perfeição.

Nós aqui, já confessámos que gostamos de comer bem, mas o Estaminé 1955 proporciona mais que isso. É um espaço com apenas dois anos, mas carregado de história. A Linda e o Miguel apaixonaram-se pelo espaço e pela sua “herança” e quiseram preservá-la. Começaram por ter no nome a data de abertura da loja do Sr. Brito – uma leitaria que abriu em 1955 e permaneceu até 2010. Em homenagem ao antigo estabelecimento, mantiveram o balcão, as portas e as sua cor original que inspirou o logótipo. Apresentam verdadeiras relíquias que nos transportam para a nossa infância.

Para o Joel foi um “trabalho duro”, mas alguém tinha que o fazer. Para além das as iguarias a fotografar, há muitos detalhes que preenchem o ambiente acolhedor e que merecem o seu clique.

_RR_0523v1_JR

_RR_0531v1_JR

E foi tão bom ouvirmos as história de quando ainda não havia a Ponte 25 de Abril (difícil imaginar, não é?) e a fila para apanhar o barco passava da porta da leitaria (que fica no topo da rua Cândido dos Reis). Enquanto esperavam na fila compravam um “miminho” antes de ir trabalhar, ali. E, saber que a leitaria foi o primeiro espaço a ter televisão em Almada?! E, que o Sr. Brito tinha-a estrategicamente colocada de onde não se visse do lado de fora, para que entrassem sem esse argumento, e ficassem surpreendidos depois de entrar?!

_RR_0578v1_JR

Nós aqui, já somos estamineiros e estamos orgulhosos de ter um espaço tão envolvente e acolhedor que proporciona mais do que uma boa refeição.

Nós aqui temos o Estaminé1955.
Nós aqui temos isto.

Fotografia: Joel Reis

castanhas

NÓS AQUI, TEMOS MAGUSTOS.

#NOSAQUI 5

Se o Natal é quando um Homem quiser o magusto também. Neste último caso, enquanto for época de castanhas. Eu adoro castanhas. Se há coisa que aprecio no tempo mais frio é comer castanhas, sejam elas assadas, cozidas, cruas ou “disfarçadas”, como por exemplo, em puré de castanha.

Por isso, o Lisbon South Bay blog marcou presença na festa do magusto no Parque Desportivo da Verdizela organizada pela Associação de Moradores da localidade. E ainda bem. Foi uma tarde muito bem passada ao ar livre, mas como se estivéssemos em casa. Fui com a Victória de bicicleta e parecia um encontro de pais e mães da escola. Como diz a Catarina nós aqui temos a sorte de ver a segunda geração, os nossos filhos, andarem todos juntos na escola e por isso acaba por ser um ambiente familiar, onde toda a gente se conhece.

castanhas1

A Associação de Moradores tinha tudo muito bem organizado e os “comes e bebes” estavam uma delícia com um serviço de primeira. Provavelmente só aqui é que uma dúzia é igual a 16, mas nós aqui gostamos da exceção que confirma a regra. Sim, porque as castanhas “eram boas, mas boas” e fizeram o meu estômago bater palmas de contente. Para não correr o risco de se apanhar alguma podre e, vá mais uma ou duas para a menina, serviram “a dúzia” com 16 castanhas.

O parque está muito bem cuidado e com diversas atrações: escorregas, baloiços, parque de merendas, campos de ténis, padel, futebol, ping pong, basket e casas de banhos asseadas para pequenos e graúdos.

Captura de ecrã 2015-11-23, às 11.04.51

Mas, nós aqui temos mais S. Martinho por isso aproveitem num magusto perto de si.

Nós aqui temos magusto.
Nós aqui temos isto.

_RR_9912v1_JR

NÓS AQUI, VIEMOS AO BORDA D’ÁGUA.

#NOSAQUI 5

O Lisbon South Bay blog foi ao Borda d’Água almoçar e estendeu a refeição até o sol começar a sair de “mansinho”. Neste dia de verão de S. Martinho conseguimos seguir o conselho de Orson Welles: os meus gostos são simples: prefiro o melhor de tudo. E foi isso que tivemos – uma excelente refeição, uma excelente tarde numa excelente praia, excelente companhia e uma excelente conversa. Nós aqui temos isto.

Não foi uma descoberta, porque o Borda d’Água é um dos nossos habitués. Já fez 20 anos e como maior de idade está aí para as curvas e recomenda-se. Fomos muito bem recebidos e muito bem servidos. O tempo ajudou e deixou-nos pôr o pé na areia e brindarmos ao momento com uma sangria de espumante e frutos vermelhos absolutamente maravilhosa.

O ambiente é acolhedor e de praia, o que permite conciliar descontração e sofisticação, ser despretensioso, mas requintado. As entradas frias e quentes permitiram-nos contrastar o camarão frio com o quente, numa deliciosa mistura de sabores e texturas. Estavam reunidas todas as condições para um momento bem passado e a conversa rapidamente saltou para as ruidosas gargalhadas que não conseguimos conter. E ainda bem. Como diz o Joel não há nada como conversar com amigos e ter o mar como moldura (lá está ele sempre preocupado como e onde vai ficar a foto!).

_RR_9901v1_JR _RR_9907v1_JR _RR_9906v3_JR

Nós aqui gostamos de escolhas saudáveis e coloridas, por isso o peixinho grelhado com a salada e fruta deram-nos uma refeição light, mas deliciosa. Mas, claro que não negámos o miminho seguinte e “atacámos” um petit gateau com gelado de baunilha, como os miúdos a lambuzarem-se com um doce. Sim, para que não haja dúvidas, nós aqui gostamos de comer bem. Nós aqui somos gulosos.

Depois do café deixámo-nos ficar. O mar, as ondas, a companhia, o sol fizeram-nos ficar a trabalhar ali, o que acabou por ser #justanotherdayintheoffice, ou seja, another day at South Bay.

_RR_9929v1_JR

Nós aqui vamos ao Borda d’Água.
Nós aqui temos isto.

P.S. O Joel prometeu voltar com a Melita. Melita, não te esqueças de o lembrar.

abqeppzsj8hm7ym2js8ifrdla

NÓS AQUI, TEMOS ESCOLHAS SAUDÁVEIS.

Os estados membros da União Europeia celebram hoje o Dia Europeu da Alimentação e Escolhas Saudáveis e da Cozinha Saudáveis. Nós aqui apoiamos a iniciativa que procura consciencializar a importância de uma alimentação saudável nas crianças e travar o crescimento da obesidade infantil.

Nós aqui não temos por princípio ser fundamentalistas. Queremos aproveitar ao máximo o melhor da Lisbon South Bay, mas também gostamos de passear, frequentar, experimentar, trabalhar, degustar “além-fronteiras”. E um dos grandes pontos a favor da margem sul é estar ao lado da cidade maravilhosa que é a nossa capital.

Captura de ecrã 2015-11-10, às 13.42.14

Ficamos felizes por saber que as escolas daqui encorajam as nossas crianças numa escolha de alimentação saudável, mas não proibitiva. Ou seja, há dias em que as gomas, as batatas-fritas, os snacks e outras iguarias que fazem as delícias das crianças são permitidas, tudo com conta peso e medida. O fruto proibido é o mais apetecido, mas  há momentos que justificam “deslizes”. Momentos esses que devem ser compensados por exercício físico e uma alimentação maioritariamente saudável.

Como nunca é demais relembrar, recomendamos umas dicas que ajudam a conseguir alimentação equilibrada:

. tomar o pequeno-almoço todos os dias;

. comer de 3 em 3 horas;

. comer 5 peças de fruta/legumes por dia;

. beber uma boa quantidade diária de água;

. usar menos sal e açúcar nas refeições.

 

Nós aqui apoiamos escolhas saudáveis.
Nós aqui temos isto.

Leão18

O PECADO DA PREGUIÇA

espreguiçamos n’ 1

 

Diz que hoje é Dia Internacional da Preguiça e, apesar de não lhe vermos grande utilidade, há que assinalar a data.

Diz a Wikipédia que o preguiçoso é o indivíduo avesso a atividades que mobilizem esforço físico ou mental. De modo que lhe é conveniente direcionar a sua vida a fins que não envolvam maiores esforços. E tendo em conta o verão de S. Martinho que apareceu muitos decidiram espreguiçar-se nas praias da Lisbon South Bay. E fizeram uma ótima escolha, o dia está fantástico, a água convida e os bares/restaurantes da praia estão aqui para vos receber de braços abertos.

Apesar da preguiça ser considerado um dos 7 pecados, não nos parece que se deva gozá-la somente neste dia e nos outros 364 ou 365 dias do ano ela não possa dar o “ar da sua (des)graça”. De quando em vez, a preguiça tem direito a um “espacinho” até pelo prazer de conseguir combatê-la e ganhar-lhe. E também, em doses q.b., é bom dar-lhe alguma confiança.

Ora se a preguiça é o “cérebro a enviar mensagens para o corpo para poupar energia”, o nosso está a receber essa mensagem agora mesmo, por isso vamos ficar por aqui.

Nós aqui espreguiçamos n’isto.
Nós aqui temos isto.

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

XIII FEIRA DA GASTRONOMIA

#NOSAQUI 5

9 a 31 e Outubro – XIII Feira da GastronomiaXIII FEIRA GASTRONOMICA 1Durante o mês de outubro, Cacilhas vai ter outro encanto. Vai decorrer a XIII Feira da Gastronomia e nós aqui que somos todos bons garfos queremos saber as delícias que podemos experimentar.

Nós aqui temos a feira de gastronomia.
Nós aqui temos isto.

 

Organização

Captura de ecrã 2015-11-3, às 23.43.19

Apoio

Captura de ecrã 2015-11-3, às 23.43.27

 

 

 

 

12227923_10207562832846159_1714207816_o

TASQUINHAS E BURRICADAS

#NOSAQUI 5

Este fim de semana temos a comemoração dos 10 anos das Tasquinhas e Burricadas em Cacilhas – Rua Cândido dos Reis a partir das 10h no dia 27 de setembro.

Programa:
| Passeio de Burro
| Doces Regionais
| Arruadas, Músicas
| Cantares Tradicionais
| Artesanato ao vivo
| Trajes Típicos
| Corrida de Burros às 15.30h

E quando quero ver aquele Amor meu, pego no burrito e lá vou eu (…) Burrriiiitttttooooooo, ai ai burrito, ai ai burrito, ai ai ai ai.

Nós aqui, apoiamos o Burro! Nós aqui temos isto. 
E o Burro sou eu?