Helena Gonçalves Rocha

“ESPERA UM BOCADINHO…” PORQUE É TÃO IMPORTANTE SABER ESPERAR? Por Helena Gonçalves Rocha

ASSINATURA 2 1

Vivemos na sociedade do Aqui e Agora, Quero e Tenho, Preciso e Tens de comprar.…onde esperar se tornou uma competência muito difícil para os mais pequenos.

Na verdade esta competência é demasiadamente importante em diferentes contextos. Quando aguardam a vez para falar, quando esperam a vinda de um dia Especial, quando pacientemente ficam na mesa de refeição…enfim, um sem fim de situações que nos faz questionar o que fazemos nós para promover esta competência.

Aqui ficam pequenas sugestões para que o seu filho possa compreender melhor a espera:

1# Faça uma pizza em casa

Preparar com a criança alimentos que ela costuma encontrar já prontos, como o pão e a pizza, é uma óptima forma de mostrar que é necessário dedicação, planeamento, trabalho e paciência para que as coisas se realizem: desde comprar os ingredientes no supermercado a esperar que a massa cresça. O seu filho não só irá vivenciar o processo, como saborear o resultado.

2# Plante um pé de feijão

A partir dos 3 anos, a criança já é capaz de acompanhar o crescimento da planta. Chame a atenção para as diferentes etapas: a formação das raízes, o aparecimento das folhas, o crescimento. E envolva-a nos cuidados: regar, deixar ao Sol, pôr mais algodão.

Nesta altura do ano, pode também ir ver na Natureza as diferenças que acontecem de dia para dia, o aparecimento dos cogumelos, as flores.

3# Elabore um calendário anual

Coloque os principais acontecimentos, a chegada das novas estações, o Carnaval, a Páscoa, o Natal, os dias de aniversário da família e amigos. A partir dos 2 anos , a criança já começa a contar. Ainda que possa não o fazer com precisão, vai perceber que ainda falta muito tempo para o seu aniversário quando vir tantos quadrados em branco…

4# Não diga “Já vai”, “É num instante”

Seja preciso relativamente ao tempo, adote uma linguagem inteligível, concreta e relacionada com o seu universo. Se o seu filho quer brincar mas você não está imediatamente disponível, não diga “Espera só um bocadinho”, responda antes: “Quando o ponteiro grande chegar ao 3 eu vou ter contigo”, por exemplo. Quem me conhece sabe que sou grande adepta dos relógios grandes de ponteiros na cozinha como forma de fornecer pistas reais aos mais pequenos.

Boas esperas e…Paciência!
Bom Fim de semana!

Helena Gonçalves Rocha

Nós aqui educamos para isto.
Nós aqui temos isto!

Contactos
helenagoncalvesrocha@gmail.com
Miúdos e Graúdos, Clínica Médica
Av. Pinhal da Aroeira, Lt 562
Aroeira Shopping area Lj 18
Herdade da Aroeira
2820-566 Charneca da Caparica
TEL.: 212 977 481

1420840749_facebook-512

Fotografias: D.R.

 

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *