FonteTelha

VAMOS LIMPAR A FONTE DA TELHA? 28 abril. Por Marlene Gaspar

gostamos 1

Ou parte dela, vá. Que limpar a praia toda é um bocadinho over promise, mas vamos dar o nosso melhor e cada bocadinho conta. A Uma Causa Por Mês em Abril decidiu que o mês era da Fonte da Telha e quem sou eu para discordar.
Fiquei impressionada com as últimas imagens que vi do movimento de limpeza das praias, e como já contei aqui sou sensível à forma como muitos tratam o nosso planeta. A praia é um dos locais mais fantásticos que há e corre o risco de ser o meu lugar preferido, por isso não consigo entender como é que se enterra tudo na areia. Ele é o pacote das bolachas, ele é o do sumo, o da lata e a até beata. Malta, a beata parece uma coisa pequena, fácil de apagar e ops, ninguém viu e fica espetada na areia, certo? NOT. Demora anos a destruir-se e sejamos francos, não custa nada colocar naqueles cinzeiros portáteis que dão imenso charme. Uma coisa é certa, apagar a beata, enterrá-la devagarinho e depois tapá-la com o pé, é foleiro. É sujo, é destruidor. Não é bacano, não dá estilo, não é bonito.
A verdade é que os mares poluídos, carregados de plástico e afins poluentes são uma tragédia. Por isso, ajuda-nos a corrigir este flagelo, traz a família e até os mais pequenos. O que é preciso:
– boa vontade e boa disposição
– sacos para colocar o lixo que formos recolhendo ♻
– luvas para evitar pequenos acidentes
– proteção para o sol (óculos, boné, protector solar…)
– boa energia
– companhia (facultativo)

Podes inscrever aqui evento quem vai para estarmos no dia 28, das 10h às 12:30h a dar um pequeno grande contributo ao nosso planeta. 
Nós aqui temos limpeza da Fonte da Telha.
Nós aqui temos isto.
Texto: Marlene Gaspar
1 reply

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *