IMG_1750

ALMADA FORUM – O SHOPPING DA MARGEM SUL.

METEMO-NOS

Se há coisa que nos deixa feliz é conseguirmos tratar de vários assuntos no mesmo espaço. Dá-nos aquela sensação de missão cumprida e acaba com a preocupação de termos muitas “coisas para fazer”.

O centro comercial tem essa vantagem. Conseguimos tratar de várias coisas no mesmo local otimizando o tempo. Nós aqui, temos a sorte de ter o Almada Forum, a referência do centro comercial da margem sul e arredores. E não pensem que o centro é só para quem está na margem sul. Há muito boa gente que passa a ponte só para vir ao Almada Forum. Não é à toa, é porque a oferta é muito boa.

Temos um presente para tratar é difícil não acertar. Conseguimos encontrar tudo para todos os gostos, idade e feitios. As lojas de roupa, calçado e acessórios são a nossa perdição. E felizmente, estão lá todinhas as que gostamos.

O centro fica no centro dos nossos percursos diários, por isso acaba por fazer parte da nossa rotina. Pus-me a pensar e fiquei admirada com a quantidade de coisas que resolvemos ali, naquele espaço. É a nossa cantina, porque almoçamos aqui a maioria das vezes. Há imensa escolha diferenciada, por isso não é mais do mesmo e podemos ser a “ovelha ronhosa” do grupo, sem que isso caia mal. Há dias que estamos em sintonia e vamos “ao mesmo”, há outros que queremos dar uma de diferente e escolher um menu distinto e, vai cada um “à sua”. Amigo não empata amigo. Conseguimos ficar a almoçar juntos sem ter de optar pela mesma coisa. E, há propostas para todos os gostos e estados de espírito, pois nem sempre nos apetece a mesma coisa. Uns dias preferimos refeições mais saudáveis, outros mais frescas; orientais; mediterrânicas; de peixe; de carne; massa; vegetariana, mais light, menos light, mais típica, menos… e no Almada Forum temos tudo isto e muito mais.

Restaurantes

Gosto particularmente de já “conhecer os cantos à casa”. Por exemplo, de me orientar bem no local onde deixo o carro e, principalmente poder estar à vontade, sem preocupações com o “taxímetro” do parque, porque é gratuito.

Fiquei admirada com o que consegui fazer na “hora de almoço”. Almocei (que é para isso que esta hora serve!).

IMG_1751

Fui ao banco, à Fnac trocar um bilhete de espetáculo que me tinha sido oferecido pelo natal, à clínica “Os Lusíadas” agendar uma consulta para uma das pequenas (se me dissessem há uns anos atrás que iria ao médico no centro comercial, acharia estranho, agora acho super conveniente e confortável). Com a vantagem de estar ao lado do cinema, em 4XD ou não, que ela vai adorar! É um bom motivo para a deixar contente por ir ao médico! Colmatei umas falhas na dispensa no supermercado e ainda resolvi uma questão com o meu operador de telefone. I’m a super woman. Graças a esta “máquina” estar tão bem oleada, num espaço amplo e agradável.

IMG_1738

A preparar-me para sair deparei-me com o enorme coração com corações presos ao cadeado que está no átrio central. Há muito tempo que admiro aquela peça. A escultura é lindíssima e fez-me logo pensar na Pont des Arts, em Paris, onde milhares de casais por ano selam o seu amor prendendo cadeados às grades da ponte e atirando as chaves ao rio Sena, acreditando que desta forma o amor durará para sempre. E acreditar é meio caminho andado para ser “para sempre”.

IMG_1750

Curiosa como sou fui ao balcão central saber o significado da escultura. A senhora muito orgulhosa, respondeu-me simpaticamente que tinha sido uma ação simbólica para o Dia dos Namorados realizada pelo centro do ano passado, mas foi tão bem sucedida que foi ficando e continua a ser utilizada para celebrar uniões em datas especiais como por exemplo esse dia, os dias do pai, da mãe e afins. Como diziam na série “A Team” (versão brasileira – ler com sotaque – Esquadrão Classe A): – “adoro quando um plano dá certo” e este, claramente foi um que deu e que foi muito para além do seu propósito inicial. Esperamos que ela fique por ali, é bonita, simboliza o amor e isso é o melhor que levamos da vida.

É um orgulho termos um espaço como este. Já dizia Saramago “o centro comercial é a nova catedral da sociedade atual”.

Marlene Gaspar

Nós aqui temos o Almada Forum.
Nós aqui temos isto.

I’m a super woman – sou a super mulher.

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *