Artigos

Festas Corroios

FESTAS DE CORROIOS ESTÃO QUASE AÍ. Por Marlene Gaspar

gostamos

Ninguém pára o Benfica, nem as festas de verão (piada fácil e que espero poder continuar a usar, mas na dúvida, gasta-se já este crédito!). As badaladas e famosas festas de Corroios já entraram em contagem decrescente e cá estou eu para vos anunciar quem vem animar o pedaço, para além de todos vocês que vão lá dar também o ar da vossa graça.

Eu sou fã de festivais, como já vos contei aqui, como sou muito fã de um bom bailarico. Daqueles que tem tudo a que se tem direito – música, comes e bebes (muito importante), animação, noites de verão. Eu sou assim, gosto de rua, de festa.

As Festas Populares de Corroios decorrem, de 23 de agosto a 1 de setembro, no Parque Urbano da Quinta da Marialva. É uma semana para “rebentar famílias” (no bom sentido da coisa) e há música para todos os gosto. Vamos ter o Berg, o Bonga, o António Zambujo, a Ana Bacalhau, a Ana Moura e o Pedro Abrunhosa. Mas há mais. Há muito mais e como eu não quero que vos falte nada, deixo-vos aqui o programa.

Programa

23 de agosto, sexta-feira

21 horas
Duo Musical Ritmos
Palco Arraial

Companhia XPTO
Grupo de Concertinas Primeira Forma (Grupo Desportivo e Cultural  Águias de Vale de Milhaços)
Palco Liberdade

22 horas
Bizarra Locomotiva + O Incrível Homem Bomba (vencedores do XXIV Festival de Música Moderna Corroios 2019)

São muitos os nomes grandes da música nacional que vão passar pelo palco Carlos Paredes, mas a programação inclui ainda várias atuações, espetáculos de folclore e bailes nos palcos secundários, por onde vão também passar grupos do movimento associativo popular da freguesia.
Palco Carlos Paredes

24 de agosto, sábado

21 horas
Duo Musical Ludgero
Palco Arraial

Escola de Instrumentos (Centro Cultural e Recreativo do Alto do Moinho)
Palco Liberdade

22 horas
XXXV Festival de Folclore de Corroios
Palco Carlos Paredes

25 de agosto, domingo

21 horas
Duo Musical Toy e Victor
Palco Arraial

Sahara Dance (Estúdio de Dança)
Palco Liberdade

22 horas
Estrada de Santiago
Palco Carlos Paredes

26 de agosto, segunda-feira

21 horas
Duo Musical A. Marques e Carlos Bastos
Palco Arraial

Grupo Coral e Instrumental Moinho de Maré
Grupo Coral e Instrumental Ventos e Marés

Palco Liberdade

22 horas
Berg
Palco Carlos Paredes

27 de agosto, terça-feira

21 horas
Trio Musical A Clave
Palco Arraial

Horas Vagas 
Palco Liberdade

22 horas
ÀVariações – Tributo a António Variações
Palco Carlos Paredes

28 de agosto, quarta-feira

21 horas
Trio Musical Maravilha
Palco Arraial

Grupo Coral e Instrumental Os Sempre Jovens (Associação Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos de Corroios)
Grupo Coral e Instrumental Cantar É Viver (Associação Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos de Miratejo)
Grupo de Cavaquinhos Os Rouxinóis (Associação Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos de Corroios)

Palco Liberdade

22 horas
Bonga
Palco Carlos Paredes

29 de agosto, quinta-feira

21 horas
Trio Musical Replay
Palco Arraial

Dance Conviction (Escola de Dança)
Palco Liberdade

22 horas
António Zambujo
Palco Carlos Paredes

30 de agosto, sexta-feira

21 horas
Duo Musical H.C. Som
Palco Arraial

Classe Talentos sem Fronteiras, Cheerleaders e Classe de Manutenção (Centro Cultural e Recreativo do Alto do Moinho)
Palco Liberdade

22 horas
Ana Bacalhau

31 de agosto, sábado

21 horas
Trio Musical Sons Infinitos
Palco Arraial

Danças de Salão, Danças Orientais e Hip-Hop (Clube Recreativo e Desportivo de Miratejo)
Palco Liberdade

22 horas
Ana Moura
Dia do Título de Solidariedade: 5 euros
Palco Carlos Paredes

1 de setembro, domingo

21 horas
Cátia Sofia
Palco Arraial

Cavaquinhos, Bandolins e Concertinas (Casa do Povo de Corroios)
Palco Liberdade

22 horas
Pedro Abrunhosa

Palco Carlos Paredes24 horas
Espetáculo piromusical 

E é isto, gente da minha terra. É esperar para ver, mas tenho para mim, que vamos ser muitos.

Nós aqui temos as festas de Corroios.
Nós aqui temos isto.

Texto: Marlene Gaspar

AnaMoura

ANA MOURA EM ALMADA. 22 dezembro. Por Marlene Gaspar

ouvimos

Ai que saudade
Que eu tenho de ter saudade
Saudades de ter alguém
Que aqui está e não existe
Sentir-me triste
Só por me sentir tão bem
E alegre sentir-me bem
Só por eu andar tão triste…

A-do-ro. A-do-ro a Ana Moura, sou fã e já estive várias vezes na fila da frente a trautear as suas músicas, já para não falar quando as apanho no carro onde canto bem alto para desespero da carcaça, que felizmente não tem ouvidos. Mas, para quem tem ouvidos e quiser música boa a ecoar nestes, é ir ver a Ana Moura, que vem atuar em Almada, no dia 22 de dezembro no Teatro Municipal Joaquim Benite, às 21h.

Quem pode, pode e a Ana Moura pode. E vocês podem ouvi-la. O preço dos bilhetes variam entre os €20-€25 e podem comprar aqui.