Artigos

ZARA

MARGEM SUL É TERRA DE PRAIA. OH YEAH.

METEMO-NOS

Um dos grandes cartões de visita da Lisbon South Bay é sem dúvida a praia. Nós aqui, temos praias com tudo o que se tem direito: bom tempo – venha ele; bom areal; bom mar – podia ser mais quente, podia, mas não era a mesma coisa; boas vistas – a todos os níveis, se é que nos entendem; boas esplanadas e bons restaurantes. É tudo isto e muito mais que nos atrai à nossa costa. #Fonte da Telha, #Costa da Caparica #S. João da Caparica, you name it!

O bom tempo que se fez sentir foi sol de pouca dura, por isso o que está para chegar tem de ser aproveitado até ao último raio e saborear a praia como se não houvesse amanhã. E, aqui entra um misto de gratidão pelo bom tempo e o pânico da exposição num minúsculo fato de banho ou biquíni!

O início do veraneio não deixa de ter este senão – o primeiro impacto de um corpito depois de um longo inverno ao ver-se destapado! Não quisemos entrar em “modo drama”, não é a “nossa praia”. Fomos ao Almada Forum com a missão de encontrar soluções de praia. Missão cumprida, fomos bem sucedidas. Logo, “não nos levem a sério, levem-nos a fazer compras.”!

Há uns anos a esta parte andamos mais “viradas” para os fatos de banho e são a melhor escolha para a piscina. São cada vez mais elegantes e acabam por ser muito versáteis e confortáveis. Não bronzeia a barriga, não, mas para isso usamos os biquinis. A Andreia da Calzedonia do Almada Forum, a quem desde já agradecemos a paciência e disponibilidade, entendeu logo a questão e apresentou uma “mão cheia de boas opções”. Ora vejam.

Fato de Banho

Seduzida pelo fatos de banho, ainda tive uma paixão à primeira vista por um biquíni que “me piscou o olho” assim que entrei na loja e me sussurrou que ia ser meu! É difícil contrariar olhares tão confiantes e decididos. Adoptei a postura de fácil – “se assim queres, assim será.” Para ajudar na argumentação, o “pequeno” tem uma toalha a “fazer pendent”. E, ainda por cima, é de secagem rápida, repele a areia e, ainda, tem uma “pochete” para ser arrumada. A loja tem uma campanha de reciclagem de biquínis. Entregamos um que já não usamos e temos um desconto até €5 na compra de um novo. Bom para o ambiente e para a carteira.

Achavam que era uma escolha meramente impulsiva? Não, connosco há sempre uma justificação racional (e se não há, criamos)!

Biquini

A Ericeira Surf Shop também foi uma paragem obrigatória. A Daniela que nos recebeu adiantou que estão a receber imensas novidades, mas já há muitas para “encher o olho”. Apaixonei-me por um biquíni Banana Moon. Tem uma mistura improvável de padrões que resulta na perfeição e muita cor, muito salero e um corte impecável. Claro que tive de espreitar as “griffes de praia”. Problema. Gostamos de tudo! Da túnica sofisticada ao calção e t-shirt básico. Oh!

Biquini

Continuando a nossa “Tour Soluções de Praia” fomos à Zara Home que tem sempre umas coleções específicas de praia para miúdos e graúdos. Sim, porque as crianças também têm direito e não têm o “senão” do início do verão, tudo lhes fica bem.

biquini criança

Adoro preto e branco, mas normalmente não é a combinação que escolho para a praia! A “montra” que segue derrubou logo esse (pre)conceito. O que não invalida outras opções…

ZARA

Bom, se começamos por dizer que a chegada do bom tempo trazia algum senão, já não nos lembramos qual é! (Ahahahaha)

ZARA

Obrigada Almada Forum.
Eu gosto é do verão…

Quanto a ti sol, só um pedido: “Please don’t go. Don’t gooooo away.”

Marlene Gaspar

Nós aqui temos as melhores praias.
Nós aqui temos isto.

you name it – é nomeá-las

 

Batizado

3 EXCELENTES ESCOLHAS PARA UM BATIZADO NA MARGEM SUL…OU MELHOR DOIS.

METEMO-NOS

Se há coisa que nunca organizei na vida foi um batizado e, de repente, estou responsável por um, ou melhor dois. Dois em um – as minhas duas filhas vão ser batizadas, no mesmo dia à mesma hora.

A escolha do local para este acontecimento é óbvia – a margem sul. A data está a aproximar-se e comecei a entrar em modo pânico: “Socorro, é preciso de tratar de mil e uma coisas”! Onde? Como? O quê? Tudo eu, tudo eu!

forumalmada

Boa dica. Respiro. Fomos lá.

A Catarina, a minha irmã com o meu sobrinho, as miúdas e eu. As crianças estavam muito animadas e contentes a escolher roupa nova (como eu os entendo!).

1# O que levam vestido?
Bom, aqui começa a verdadeira odisseia. Uma coisa é batizar um bebé de colo, como é habitual, que ainda não tem opinião. Pode chorar durante a cerimónia, mas a birra nunca será por causa do que leva vestido. Outra coisa é batizar 2 crianças, com 5 e 2 anos e muita vontade própria:

– Não quero ir de vestido. – diz uma.
– Não gosto desse. – diz outra.
– Não quero experimentar. – dizem as duas!

Mas, se achava que esta era a parte difícil, o melhor estava para vir…

Começámos pela Lanidor Kids no Almada Forum onde fomos simpaticamente atendidas pela Ana, que adianto desde já, que merece uma medalha de mérito pelo seu savoir-faire no episódio insólito que nos aconteceu na loja. No despe e veste de vestidos vejo a minha “mai’ nova” com aquela cara de aflição de quando quer ir à casa de banho para fazer aquela necessidade. Sim, essa mesmo. Tarde demais…2 anos e meio e a largar as fraldas… O terror e vergonha apoderaram-se de mim. A Ana teve uma calma extraordinária. Prontamente trouxe um kit SOS e uma tranquilidade digna de registo. Não houve danos materiais. O que podia ter sido uma catástrofe, acabou por ser um faît-diver.

Refeita do susto, consegui apreciar uns conjuntos amorosos. Adoro misturas improváveis e gostei de ver o mix de padrões da saia às ricas com a blusa às flores.

Batizado

Um padrão fácil de combinar meninas com menino são os vestidos e calções de riscas vermelhas. Um casaco de malha azul escuro fica sempre bem até para futuras ocasiões (há que pensar na rentabilização da peça para além daquele dia).

Batizado

Na Gocco também gostamos da alternativa proposta pela Daniela que nos atendeu e que funciona muito bem.

Batizado

A Ana que nos recebeu na Knot  apresentou-nos uma solução “uau” – um vestido de linho branco dignos de princesas com a camisa de linho para rapaz a condizer. Adorámos.

Batizado

Os sapatos já têm – umas menorquinas para elas e uns carneiro para ele. Ficam 5 estelas.

2# O que levam no cabelo?
Ui, que medo. As princesas querem usar, mas tanto mexem e remexem, que rapidamente passam a objeto perdido, raramente achado. Mas, a mmi é uma tentação e tem várias opções fantásticas. Não ficam o máximo.

Batizado

3# Velas de batizado?
Este pequeno grande detalhe não pode faltar. A Pano & Algodão tem várias opções p’ro menino e p’ra menina.

Velas

Rapidamente a sensação de pânico foi-se desvanecendo. Missão cumprida. Ficámos felizes, contentes e seguras com as várias escolhas. Ainda assim, temos sempre espaço para receber dicas e sugestões da voz da experiência nestes acontecimentos. Estejam à vontade para o fazer.

O nosso muito obrigada à Lanidor Kids, Gocco, Knot, mmi, e Algodão & Pano no Almada Forum. Sem vocês não teria sido tão fácil.

E agora nós. O que vamos levar vestido?

forumalmada2

Tenho uma alma inspirada e batizada nas expressões verbais do coração.
Francis Pero

Nós aqui temos batizado(s).
Nós aqui temos isto.

savoir-faire  – saber-fazer
faît-diver – facto ou assunto pouco importante.

Texto: Marlene Gaspar
Fotografias: Lisbon South Bay blog

Screen Shot 2016-04-21 at 13.07.21

MARGEM SUL É TERRA DE DESPORTISTAS.

METEMO-NOS

A Lisbon South Bay é uma zona privilegiada no campo desportivo. Tem infraestruturas, espaços e, uma cultura de desporto enraizada. Não é por acaso que é a “terra” de muitos atletas de sucesso e o palco de centro de estágios importantes. Inspiradas por este contexto, o desporto assume um papel nas nossas vidas. A juntar a isto o facto de o verão ser já “amanhã”, gera-nos um misto de extrema felicidade e extrema preocupação. Só de imaginar a primeira vez que nos enfiaremos num biquini, triquini ou mesmo num elegante fato de banho começam a soar sirenes e alarmes! Medo, muito medo de expor estes corpinhos, brancos como a cal, e “uma ou outra” (im)perfeição  (“uma ou outra”, ahahahah) à luz do dia.

Claro que não é intensificar agora os treinos como se não houvesse amanhã que nos vai fazer ficar “saradas” (como dizem os brasileiros), mas um “boostezinho”, parecendo que não, facilita! E, para estar em forma, nada como praticar o desporto que gostamos (ou o que nos custa menos), em grande estilo. Sim, podemos não ficar “boas como o milho”, mas estarmos equipadas de forma confortável e gira, torna tudo mais fácil.

Fomos ao Almada Forum tratar desse assunto. Fácil! A Catarina elege os desportos aquáticos e por isso foi à Sport Zone. Eu vou falar da sua experiência e só espero não meter água!

Screen Shot 2016-04-21 at 10.52.52

Imagem Carlos Pereira

Como está a planear uma viagem para um destino tropical para fazer uma das suas grandes paixões, o mergulho, foi ver um fato para águas quentes. E agora, pergunto eu que não percebo nada do assunto:

– Mas, há fatos para águas frias e quentes?
– Dah?! Claro, para águas mais quentes escolhemos um 5/4/3, é um fato de surf e não de mergulho, mas para mergulho em águas quentes é o ideal. Adapta a espessura do fato a cada zona do corpo, consoante essas necessidades. – diz-me ela com um ar muito convicto.

Estava a levar uma abada, mas ainda assim não desisti e perguntei:
– 5/4/3? Estás a falar de alguma tática de futebol?!
– Não! Claro que não. Estes números equivalem à especificidade da espessura do fato para cada zona do corpo – tronco, braços e pernas – disse um ar de “deixa lá, esta não é a tua praia”. E, dirigiu-se à Andreia, colaboradora da loja, porque percebeu que eu não ia ser uma ajuda.

Screen Shot 2016-04-21 at 12.48.01

Claramente foi uma opção acertada, pois falaram na mesma língua.
O tamanho disponível era o “S” e “por mais que quisesse ainda não cabe lá” (estou a citá-la)! Mas, rapidamente conseguiu encomendar o seu tamanho na ilha Shop Online e reservou ali mesmo na loja que vai chegar entre 2 a 4 dias. A “nossa sereia” de águas quentes vai ter umas grandes férias debaixo de água!

Screen Shot 2016-04-21 at 12.57.46

E para quando estiver fora de água, não descuidou os ténis. Foi espreita-los e adorou a nova arrumação self-service, ou seja, cada modelo exposto serve de “montra” a uma gaveta que permite descobrir rapidamente o nosso número. Difícil foi decidir o modelo! Ou então não.

Screen Shot 2016-04-21 at 12.49.52

Já eu, que adoro água, prefiro ter os pés mais assentes na terra no campo do desporto. Já aqui partilhei o meu gosto pela corrida e depois da mini-maratona da ponte 25 de abril, aventurei-me nos 10 km da corrida do Benfica. (SLB, SLB, SLB), desculpem o entusiasmo e a manifestação clubística, mas quem diz a verdade não merece castigo (e o vermelho é a minha cor)! Foi uma prova superada, mas que me fez tomar consciência que tenho de “reformar” os meus ténis…

12928251_10208743065391235_2443962656547435255_n

Resolvi começar na Adidas e aí fiquei. Fui atendida pelo Diogo e pelo Nuno para pedir aconselhamento que com toda a paciência explicaram as especificidades de cada modelo e tentaram perceber quais as minhas necessidades e objetivos. Apresentaram-me a tecnologia Boost. Segundo consta “há o correr antes da tecnologia Boost e o correr depois da tecnologia”. Vou poder confirmar isso depois do meu “test-drive”! Experimentei os Energy Boost e os Pure Boost e quero os dois! E quero agora.

Ok, deixei-me levar por mais um entusiasmo, mas já desci à terra!

Vou ter de optar e para ajudar a tomar a decisão, agendei na loja o teste da passada, para perceber o que melhor se adequa a mim e ao meu físico (e, na verdade para desempatar!). Os Pure Boost são os primeiros ténis desenhados por mulheres para mulheres e isso sente-se. São provavelmente os ténis mais confortáveis que calcei, mas para quem corre mais de 10 km, os Energy Boost são mais reforçados. Ora se estamos a trabalhar para esse objetivo, são talvez a melhor opção…

IMG_1463

Pensando no assunto, lá dei uma volta à loja e escolhi uns calções e camisola climachill, uma tecnologia que reage melhor e de forma mais confortável à transpiração (importantíssimo, certo?)!

De repente, perdi-me com um conjunto Originals…a minha cara. Só não é o meu número, porque é…de homem! O que não me impediu de experimentar e de gostar…

Screen Shot 2016-04-21 at 13.02.07

Ainda houve tempo para dar lugar ao “flower power”. Esta coleção tem “aquele quê” e o difícil é escolher o padrão que mais gostamos. Ou talvez não.

IMG_1458

Ah, já agora, adorei o casaco vermelho retro, para o dia a dia. Lá está o vermelho a ter toda a minha atenção…

Os nossos agradecimentos à Sport Zone e à Adidas do Almada Forum que nos deixaram muito felizes com as nossas escolhas.
Seja em terra, no mar ou no ar, opte por fazer desporto e aproveite as condições que o lado sul proporciona, quer a equipar-se, quer a participar. Faça desporto, por uma mente e um corpo sãos.

Nós aqui, temos equipamento para desporto.
Nós aqui, temos isto.

Boostezinho – palavra que não existe, mas pretende dizer espécie de energia extra

Texto: Marlene Gaspar
Fotografia: Lisbon South Bay blog

Inauguração da sala 4DX da NOS Cinema no Almada Forum

CINEMA 4DX DA GRANDE LISBOA É NO ALMADA FORUM.

assistimos

Ah, pois é! A primeira sala de cinema com a tecnologia 4DX na zona da grande Lisboa é na margem sul, mais precisamente no Almada Forum e vai abrir hoje ao grande público. Esta tecnologia põe à prova todos os nossos sentidos e a forma tradicional de assistir a uma sessão de cinema.

Nós aqui, aceitámos o convite de estar presente na antestreia 4DX do filme “10 Cloverfield Lane”, o novo filme do produtor J.J. Abrams, onde os monstros assumem muitas formas, ainda mais arrebatadoras no formato 4DX. Os argumentos para ir eram mais que muitos, mas nós nestas coisas boas que acontecem na Lisbon South Bay,  somos umas “fáceis”.

Nós, e muitas caras conhecidas e alegres que fizeram questão de estar presente neste grande acontecimento e, obviamente, experimentar novas sensações e usufruir desta nova experiência. Todos os caminhos vieram dar ao Almada Forum.

A antestreia foi antecedida de um cocktail para os convidados onde se percebeu claramente a curiosidade sobre esta nova tecnologia.

Inauguração da sala 4DX da NOS Cinema no Almada Fórum

Inauguração da sala 4DX da NOS Cinema no Almada Fórum

Inauguração da sala 4DX da NOS Cinema no Almada Fórum

Inauguração da sala 4DX da NOS Cinema no Almada Fórum

Inauguração da sala 4DX da NOS Cinema no Almada Forum com presenças como Alexandra Borges, António Raminhos, Bruno Rosendo, Carlão, Dânia Neto, Duarte Siopa, Henrique Feist, Isabel Figueira, Isabel Nogueira, Isilda Peixe, Márcia Leal, Oceana Basílio, Pedro Reis, Ricardo Carriço, Rita Ferro Rodrigues, Teresa Lameiras.

E chegou o grande momento! A entrada na sala. Foi-nos logo distribuído uma máscara que causou logo aquele suspense de: “Hum, o que é que vai acontecer ali dentro?!”

Grande parte da assistência eram atores e profissionais da comunicação e foi engraçado ver as suas expressões expectantes sobre esta nova forma de espectáculo, que me atrevo a dizer, sem qualquer dado estatístico que o comprove, que pensaram que profissionalmente vão querer trabalhar com esta técnica. Especulações à parte, o Ricardo Carriço lançou o mote (ver vídeo abaixo) e é tudo o que vos vamos contar sobre a história do filme, porque não queremos ser desmancha-prazeres. Aconselhamos a ir sem expectativa para viverem a experiência a 100% e não condicionada. (Aproveito para manifestar o meu desagrado quando alguém me relata os filmes antes de eu os ver. Para essas pessoas um gesto e uma expressão: mãos nos ouvidos e “I can’t ear you”, “I can’t ear you”. *

Vá, podemos ainda adiantar (que também não aguentamos não dizer nada vezes nada, não somos de ferro!), que há cerca de 20 efeitos diferentes, maximizando a sensação de envolvimento e integração no filme. E acreditem, que sentimos que estamos ali, ou lá – lá dentro, dentro do filme! Somos parte do filme e sofremos na pele (quase literalmente) as várias sensações dos personagens!

As cadeiras integram um sistema eletrónico de movimentos que permite simular inúmeras sensações como voar, cair, acelerar ou travar.

A sala recria ainda efeitos ambientais e contextuais como vento, água, chuva, nevoeiro, aromas (acreditem que se sente os cheiros e o frio e eu estava ligeiramente constipada, mas também não precisam de ir de manta!), entre outros, numa sintonia e sincronia com as imagens do ecrã. É outra cena. É muito fixe. E agora sim, mais não dizemos!

Parabéns aos responsáveis pelo projeto: a NOS Cinema, em parceria com a CJ 4Dplex Co. e a Multi Portugal. Ao que apurámos o Almada Forum tem um filme novo todas as semanas nesta sala 4DX com capacidade para 100 pessoas, por isso é estar atento e ir. Nós aqui, vamos andar por lá. Ah, pois vamos.

Nós aqui temos cinema 4DX.
Nós aqui, temos isto.

I can’t ear you” – não vos ouço.

Fotografias BILMA

PRIMARK

A PRIMARK ABRIU NO ALMADA FORUM! HOJE.

METEMO-NOS

Dia 1 de abril. Dia das mentiras. Dia da inauguração da Primark no Almada Forum.

Parece mentira, mas é mesmo verdade. A excitação da abertura da Primark aqui na Lisbon South Bay estava-me a causar “umas ânsias” que, mesmo sabendo que ia estar “à pinha”, que daqui a uns dias se poderá circular mais livremente, ver as coisas com mais calma e tranquilidade, não apanhar filas, etc, etc tive de estar lá, eu tive que ir.  “Gaja que é gaja” percebe e quem não é não tente compreender, porque os argumentos não são razoáveis. Mas, não fui só eu a ter esta necessidade. Estavam “resmas de pessoas ao mesmo”. Essas, sabem porque é que eu estava ali.

Assim que cheguei ao estacionamento leio na porta de acesso ao centro – “Entre para ser feliz”, parecia que me estavam a ler os pensamentos! Oh meus amigos, não precisam de me dizer mais nada! Claro que eu tinha de entrar, tinha de ir lá espreitar (óbvio não me fiquei só por isso)!! Nem eu ficava feliz se não entrasse! A minha veia de publicitária também reparou que o Almada Forum tem um logótipo novo! Cheio de cor e de animação. Estava ali mais uma evidência de que eu tinha tomado a opção certa.

PRIMARK12

Assim que cheguei perto da loja da Primark percebi que não ia ser fácil, mas não era uma fila circular que dava “mil e uma voltas” que me iam demover da minha missão! Rapidamente consegui ficar surpreendida. A organização foi assinalável.  O staff estava preparado para as milhentas pessoas ansiosas como eu, e receberam-nos de “cara alegre” – que é meio caminho andado para tudo correr bem.

PRIMARK9

E, finalmente, entrei! E a loja não defraudou. Quando tiver menos 99,9% da afluência (estatística somente admitida neste dia, 1 de abril) vai ser um espetáculo! Claro que não resisti aos básicos de algodão que sou completamente fã, umas gracinhas para as pequenas, umas “piadas à séria” para mim (que eu não brinco em serviço), uns miminhos para a casa, para o cão e gato que não temos e, num abrir e fechar de olhos o saco estava composto.

FRIDAY

Ui…tenho de ir pagar! E vejo que o tamanho da fila era considerável, vá para ser simpática. Quem tinha chegado ali, não ia baixar os braços e, aventurei-me, “sem medos”. Mais uma vez fui surpreendida para organização. Era muito gente, mas foi rápido chegar à caixa. Aí e, em toda a loja fui recebida por colaboradores simpáticos e felizes, parecendo estar nem aí para a quantidade frenética de clientes. Estavam preparados e a coisa correu bem. Para todos. Por isso também fiquei assim. Feliz com a minha decisão de ter ido e de missão cumprida.

PRIMARK10

PRIMARK11

Esta vai ser a primeira de muitas, aqui na Lisbon South Bay.

Nós aqui temos a Primark.
Nós aqui, temos isto.